In livros resenha

Resenha #07- Rua Direita - Anderson Borges Costa

Titulo: Rua Direita
Autor: Anderson Borges Costa
Editora: Chiado Editora
Gênero: Romance
Páginas: 157
Avaliação: Ótimo, surpreendente!

Olá pessoal!
 É eu sei estou me superando, a semana toda de resenhas e claro esta é mais uma e por sinal especial de um Romance do meu querido amigo Anderson, claro que prefiro guardar os comentários para o final da postagem porque fica até mais fácil de vocês entenderem o por quê aquilo está sendo empregado e porque da classificação, a leitura foi terminada no dia (14) foram 4 dias de litura se não me engano. Agora prosseguimos(...)

Charles Chaplin? Arnaldo Antunes? Rita Lee? Noel Rosa? Glauber Rocha? Tarsila do Amaral? Racionais MC’S? Chico Buarque? Quentin Tarantino? Sons, quadros, letras e imagens invadem a mente de um homem que perambula durante um dia, talvez algumas horas, talvez uma vida inteira, pela Rua Direita, no centro de São Paulo. Ele tem fome e deseja se alimentar. Durante sua busca por comida, o protagonista vê desfilar pela rua, de forma desordenada como a arquitetura da cidade de São Paulo, várias manifestações e aspectos da cultura brasileira, como o carnaval, o futebol e as injustiças sociais. A fome do personagem principal é uma referência à Antopofagia, de Oswald de Andrade. A narrativa está amarrada por uma cachoeira de citações e referências literárias, musicais, cinematográficas, artísticas e históricas, construindo uma espécie de teia sobre a qual se tece o enredo. Quem pautará o próximo passo no calçadão.

O livro começa com um carinha na Rua direita que é atraído pela música que sua tia cantava para ele quando era criança e se aproximou da pessoa que tocava essa música e foi roubado mas não percebeu, o cara levou sua carteira com todos os seus pertences, documentos, cartões, dinheiro, a partir desse ponto ele vira tipo que um “andarino” ou até mesmo um mendigo. 

Varado de uma fome que o corroe de tal forma e uma sede que lhe mata de uma forma devastadora, a forma e as teorias loucas que ele tem para conseguir comida e água, são doidas, roubar é uma delas que dentre essas, ele tentou roubar um MC Donald’s de um garotinho que pagou honestamente, em meio disso ele também já pensou em comer uma barata esse foi o seu primeiro pensamento em meio de muitos. 

Procurando saber o que fazer para saciar sua fome são muitas formas de como saciar, e muitas teorias de como fazer, o autor em uma narrativa de “TERCEIRA PESSOA DO SINGULAR” conta uma história de um pobre coitado que é roubado em pleno centro de São Paulo e fica como um mendigo, claro que eu já lhes disse isso, só que era para esclarecer tudo de uma vez.



No meu ver o livro começou com pouco entusiasmo de leitura, não vi forma alguma de romance, caso seja esse mesmo o objetivo do autor, um livro de romance, somente em algumas partes onde o “nosso herói” era assim que o personagem principal era citado no livro, pensava nele nu com uma mulher nua e tarara. Daí o livro foi se intensificando e ficando bom prendendo mais a minha leitura. Consegui me prender a leitura e concluir em 4 dias. Penso que a leitura é boa mais faltou à parte de romance, ou meio romance, sabe? E devo ressaltar que no final a atenção para com o livro foi surpreendida, por não ser tão previsível como eu pensava, o livro me surpreendeu mesmo de tal forma. Creio que essa foi uma boa leitura e lembrando que a classificação foi deixada bem clara neste mesmo parágrafo.




Boa tarde a todos vocês, espero que tenham gostado desta ilustre resenha e para aqueles que desejam ler, eu recomendo ta, os contatos para com o autor está na aba “Autores Parceiros” então dá uma passadinha lá, só não colocarei aqui pelo fato de se expandir muito a resenha e sair um pouco do “FOCO”

 Espero que tenham gostado, voltem sempre e Tchau-Tchau.



















Posts relacionados

18 comentários:

  1. Gostei bastante da resenha, quando vi "Chaplin" na sinopse, foi tipo: Opaaa, haha', adoro suas resenhas são curtas e diretas, assim não fica cansativo de ler.

    Beijos~
    intoxicadosporlivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai que bom que gostou, eu agradeço muito Jooy!
      Beijinhos de luz ♥

      Excluir
  2. Muito bom! Parece interessante...

    Daniel Santos | Cabana Literária
    www.cabanaliteraria.tk

    ResponderExcluir
  3. Muito legal o livro, ele tem uma capa bem chamativa sua resenha me deu vontade de ler ele, abraços.
    Conheça o meu também estou curtindo e seguindo o seu, abraços.
    https://literaturaparaosaber.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Vinicius! Fico feliz de ter lhe despertado interesse. Gostei bastante do seu layout vou passar lá com mais calma pra olhar e seguir.

      Excluir
  4. Oi Victor!
    Tudo bem com você?

    Adorei a resenha! Parece ser interessantíssimo, sem contar que a capa é uma beleza.

    Beijos
    Laís Happel - EDF
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laís!
      Estou ótimo. e você como vai?

      Ah que bom que gostou!!! É interessante minha cara amiga. Ah capa é muito bela sim isso não podemos negar. rsrsrs

      Beijinhos

      Excluir
  5. Obrigado, Victor, pela leitura e simpática resenha do meu livro. Aproveito para dizer aos leitores do seu blog que, se quiserem conversar mais e obter informações sobre o meu livro "Rua Direita", podem me contatar no e-mail andbcosta@hotmail.com.

    Abraço do

    Anderson Borges Costa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obaaa que bom que gostou Anderson, meu caro amigo. Sucesso. Isso aí este e-mail está na aba de autores parceiros.

      Abração.

      Excluir
  6. Oi Victor! Mais uma resenha legal no seu blog, descobrindo muitos livros por aqui ;)
    Na verdade esse não é o tipo de livro que estou acostumada a ler, mas achei bem diferente e a história desperta curiosidade.
    Beijos
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol!
      Obrigado, que bom que gostou.
      É bem legal o autor merece a atenção rsrsrs


      Beijos.

      Excluir
  7. Oi Victor!
    Nunca tinha ouvido falar desse livro e confesso que a premissa é bem diferenciada.
    Gostei da resenha!
    Beijos
    EmyLu- Louquinha por Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é bem legal. É doido que o personagem principal tem um nome que só se diz uma vez só não lembro!!

      Beijos

      Excluir
  8. Oi Vitor, como está?
    Já ouvi falar do livro e o autor ofereceu parceria para o blog, mas estou sem tempo para aceitar novos parceiros agora.
    A premissa é bem interessante!
    Seguindo aqui, se puder/quiser, retribui!
    Grande Abraço,

    www.enquantoestavalendo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!
      Gostei bastante do seu trabalho vou seguir!
      Então é bem diferente vale a pena grande abraço.

      Excluir
  9. Fiquei super interessado agora com essa sua resenha, muito boa.
    Abraços
    leitorinsaciavel.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que legal meu amigo! Fico feliz leia vale a pena é super diferente.
      Abraço meu caro amigo.

      Excluir

Obrigado pela visita! =] Volte sempre, com certeza teremos novidades quentinhas pra você!