In inspiração Julia Rietjens

A Vida e obras de: William Shakespeare e Charles Baudelaire.





Para quem não sabe, em abril nasceram dois grandes escritores, referências culturais até hoje: William Shakespeare e Charles Baudelaire. Os dois, cujas obras são lembradas séculos após sua morte, são tema deste mês, para comemorarmos seus respectivos aniversários. Se você tem curiosidade em saber um pouco mais sobre a vida dos dois autores, confira abaixo:


Mesmo que não tenhamos como saber a data exata do aniversário de Shakespeare (historiadores acreditam que ele tenha nascido no dia 23 de abril de 1564, uma vez que os únicos registros existentes são de seu batizado, que aconteceu no dia 26 de abril do mesmo ano), o famigerado autor inglês conquistou destaque mundial em literatura por escrever obras voltadas aos sentimentos e paixões humanas.

O britânico começou sua carreira em Londres por volta de 1585, como ator e copiador de peças, depois de abandonar a esposa e três filhos. Conforme foi crescendo dentro do teatro em que trabalhava, começou a escrever peças, que logo foram divididas entre comédias românticas (por exemplo, Sonho de Uma Noite de Verão) e tragédias (por exemplo, Macbeth). No entanto, Shakespeare também escreveu diversos sonetos, alguns poemas e várias poesias ao longo de sua vida.

Além do destaque na literatura, suas obras também ganharam diversas reproduções cinematográficas ao longo do tempo. Hamlet, por exemplo, foi gravado seis vezes por vários diretores. Outra curiosidade interessante é que a Walt Disney Pictures também utilizou de Shakespeare como referência para a criação de O Rei Leão (inspirado em Hamlet) e O Rei Leão Dois: O Reino de Simba (inspirado em Romeu e Julieta). Além disso, os filmes Dez Coisas que eu Odeio em Você (Gil Junger, 1999) e Ela é o Cara (Andy Fickman, 2006) também foram produzidos por influências de obras do autor - A Megera Domada e Noite de Reis, respectivamente.




Baudelaire nasceu em 9 de abril de 1821, em Paris. O autor perdeu o pai jovem e passou a vida estudando em colégios militares, porém isso não o impediu de viver uma vida boêmia, cercado de drogas e álcool.

Em 1857, Baudelaire lança o livro de poemas As Flores do Mal, com o qual foi acusado por escrever seis poemas que ultrajaram a moral pública. Para substituí-los, escreveu novos poemas, que expressavam situações cotidianas - por isso é considerado o pai da poesia moderna, uma vez que sua temática era realista, ao mesmo tempo que utilizava do simbolismo para descrever a arte.

Além de escrever poemas, o autor passou parte da vida traduzindo as obras de Edgar Allan Poe para o francês, com o objetivo de torná-lo conhecido na França. Outra curiosidade é que o filme Paraísos Artificiais (2012), do diretor Marcos Prado, foi inspirado em uma obra de mesmo nome de Baudelaire, que descreveu as sensações causadas por três drogas diferentes: haxixe, ópio e vinho.

E aí, você já sabia que estes autores clássicos inspiraram tantos filmes? 


  


Posts relacionados

4 comentários:

  1. Olá Júlia! Adorei sua matéria, sou apaixonada por William Shakespeare e acabo de descobrir que possivelmente ele e eu fazemos aniversário no dia 23 de abril rsrs Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Meicy! Que honra nascer no (possível) aniversário de Shakespeare

      Excluir
  2. Eu vivo dizendo que uma meta de vida é ler toda a obra de Shakespeare, já li até agora umas três peças e amei mesmo do fundo do coração de melão. Já Baudelaire quero muito ler. Amei o post reacendeu a chama da vontade de ler "As flores do mal".

    http://www.pandoraesuacaixa.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita! =] Volte sempre, com certeza teremos novidades quentinhas pra você!