In filmes/séries

Jurassic World: Reino Ameaçado.



Título: Jurassic World: Reino Ameaçado
Direção: Juan Antonio Bayona
Nacionalidade: EUA
Idioma original: Inglês
Gênero: Aventura, Ficção científica
Lançamento: 21 de junho de 2018.
Duração: 2h08min.

“Três anos após o fechamento do Jurassic Park, um vulcão prestes a entrar em erupção põe em risco a vida na ilha Nublar. No local não há mais qualquer presença humana, com os dinossauros vivendo livremente. Diante da situação, é preciso tomar uma decisão: deve-se retornar à ilha para salvar os animais ou abandoná-los para uma nova extinção? Decidida a resgatá-los, Claire (Bryce Dallas Howard) convoca Owen (Chris Pratt) a retornar à ilha com ela”.

Imagine um mundo onde existem dinossauros, e nós meros mortais apenas sobrevivemos, e agora partindo da mesma linha de raciocínio traga a imagem de uma ilha chamada Nublar, onde vivem estes predadores que está um caos e pode extinguir a raça de mais uma vez da face da terra, contudo nossa heroína Claire que está a frente de um grupo em prol destes animais decide de fato salva-los para protege-los de mais uma extinção, mas há mistérios e terríveis segredos a serem desvendados e isso pode ser o inicio de uma grande aventura para a moça.

Este é o primeiro filme da franquia em que me interesso de assistir e posso dizer que a aventura de Jurassic World me surpreendeu de forma positiva a começar pela forma como a história prende o telespectador trazendo o realismo da melhor forma possível apesar de ser uma ficção cientifica.

O reino ameaçado remete a ilha em que estes animais viviam e que devido aos fenômenos da natureza agravarem e ameaçarem sua existência, que os extinguiria novamente da terra. Eletrizante é uma palavra e tanto para definir o filme de forma objetiva.

Juan Antonio Bayona (dirigiu filmes como: O orfanato, O impossível, etc), o diretor, soube utilizar de elementos com maestria e inseri-los de forma sutil as cenas, a tecnologia junto a um mundo pré-histórico não é um cruzamento fácil e tampouco um dos mais interessantes, porém a dosagem e a expertise caminharam juntas para um resultado como este.

Os personagens e todo o conjunto de dinossauros deram as cenas do longa uma certa veracidade, pois a atuação dos atores fora de fato boas em comparação a alguns de seus trabalhos anteriores. A produção soube brincar muito bem com os efeitos e tornar estes de toda animália ainda mais assustadores.

O espectador que em seu habitual não espera muito de filmes do gênero vislumbra uma produção nivelada em quesitos qualidade e realidade.

Jurassic World possibilita aqueles que ainda não conhecem o universo a se jogarem de fato nele e aos que conhecem a amarem ainda mais, pois a obra carrega detalhes especiais e uma qualidade única de uma premissa que não atrai fácil.

Posts relacionados

4 comentários:

  1. Oi, Victor.
    Quero muito assistir.
    Um amigo meu viu e amou. Disse que tem muitas partes emocionantes.
    Estou louca para assistir.

    Tenha uma ótima noite!

    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Naty! Como vai?

      É realmente muito bom, super recomendo, já que você tem a vontade de assisti-lo.

      Grande abraço!

      Excluir
  2. Olha que coincidência, eu estava revendo o filme anterior e pensava justamente nesse. Eu amo a franquia e estou louca para conferir esse filme tb!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suelen, como vai?

      Ainda não vi filmes anteriores da franquia, mas confesso que me fiquei com muita vontade de conferi-los.

      Espero que goste do filme!

      Grande abraço!

      Excluir

Obrigado pela visita! =] Volte sempre, com certeza teremos novidades quentinhas pra você!